Por quê os profissionais de TI estão sendo Prejudicados no Brasil?

Olá pessoal! 

Se você está aqui, lendo esse artigo é porque eu acredito que você seja mais um profissional da TI que esta sofrendo no Brasil. Nesse artigo eu gostaria de contar algumas experiências pessoais que estou passando na área da TI, e dar algumas dicas do que estou seguindo. 

Mas antes deixa eu me apresentar a vocês.

Eu me chamo Denis Garcia, tenho 29 anos, sou casado, atualmente estou cursando Analise e Desenvolvimento de Sistemas na Universidade Anhembi Morumbi em São Paulo. Já mexo com informática a pelo menos uns 10 anos, porém no mercado eu trabalho no ramo a pouco mais de 5 anos. Comecei prestando suporte técnico para uma empresa terceirizada da NET, desde então comecei a me interessar pelo mercado de TI/ Informática. Fiz diversos cursos na área, montagem e manutenção, hardware, software, banco de dados, designer, Office, Windows, Linux, Servidores e por incrível que possa parecer até curso de hacker e segurança da informação e cheguei a fazer. A grande maioria desses cursos livres, em vídeo aulas, no Youtube em diversos sites (cujo alguns deixarei aqui para melhorar seu conhecimento, uma vez que o mercado está cada vez mais exigente) e baixando inúmeras apostilas nas áreas que me interessava.

Acredito que muitos profissionais da TI estejam com dificuldades de conseguir emprego na área e pior ainda, conseguir um estágio. Mas por que? A que devemos essa instabilidade em um mercado que gera diversas oportunidades? 

Primeiramente temos que ter em mente a situação delicada que nosso país está passando. Podemos dizer sim que essa crise é mundial, mas acredito que no Brasil seja pior devido a tanta corrupção e desvi de verbas. Contas que vão parar na mesa do trabalhador, contas desnecessárias que nós acabamos pagando para encher os cofres públicos e tampar os rombos criados pelos governantes. Isso é um fato. Outra coisa que temos que ter em mente, é que, para uma empresa, start up, industria ou seja la o porte que for e o seguimento que for, um funcionário acaba custando mais do que o salário que ele recebe. Um funcionário que recebe um piso de R$ 1000,00 acaba custando um pouco a mais para a empresa. Essa por sua vez, tem sua carga de tributo e imposto aumentado devido a crise e a corrupção da mesma forma que o trabalhador comum. Então qual a solução que as empresas vêem para não gastar tanto? 

A maioria das empresas optam por profissionais mais completos, ou seja, profissionais que tenham mais conhecimentos em determinadas área e que vai ser mais produtivo. Ao invés de contratarem dois funcionários as empresas preferem um que corresponda a demanda. Mas hoje em dia não é tão difícil achar profissionais assim, o ruim para as empresas é que quanto mais qualificações ele tiver, melhor remunerado ele terá de ser. Aumentando assim a despesa das empresas. Muitas delas não se importam e pagam o que o profissional merece, outras nem tanto. Mas em meio a crise as empresas principalmente as de TI, adoram outra medida, uma medida que deixa os profissionais de TI cada dia mais revoltados e insatisfeitos. Elas passam a exigir cada vez mais conhecimento e disponibilizam cada vez o menor piso para a categoria. 

Muitas pessoas dizem que a área de TI é a que mais oferece empregos, realmente é, mas tem uma explicação lógica… 

Com a vasta exigência do “mercado” faltam profissionais que preencham tantos requisitos e assim acabam sobrando vagas. Podemos dizer por exemplo os Estágios. Uma área muito procurada pela “Ilusão” do mercado promissor da TI, pelos recém formandos ou pessoas ainda em formação. Pois para se formarem é obrigatório o estágio. As empresas estão exigindo perfil para estagiários de profissionais completos. Por exemplo, para um estágio em Java Junior, as empresas pedem conhecimento em JavaEE, css, php, html, Hibernate, Scrum, Banco de Dados, Inglês Fluente e etc.

Eu acredito que um profissional que tenha esses requisitos e esses conhecimentos, jamais se candidataria a uma vaga de estágio pois um profissional assim é dono de alguma Start Up espalhada pelo país. Ou trabalha fora do país. Vejo nessa crise o principal fator do “mercado tecnológico” esta em alta e em baixa ao mesmo tempo. Sobram vagas, mas faltam “humanos” com capacidades para preenche-las. 

Aqui no Brasil isso infelizmente vai levar muito tempo para mudar. Pois um sindicato seria desnecessário já que tomaria mas dinheiro das empresas, um órgão regulamentador dos profissionais de Ti de todo o país seria uma ótima solução. Ongs em parceria com empresas de Tecnologia também seria uma ótima solução para nós profissionais. Mas vivemos aqui uma outra realidade. Vivemos uma realidade em que tudo isso deveria ter iniciativa dos governantes, pois sem a TI, o país não consegue avançar. Tudo hoje, depende da tecnologia, a medida que ela avança o país cresce. Mas o que adianta ela crescer se não há trabalhadores que atendam as exigência das empresas? 

Precisamos nos ajudar. Nós profissionais de TI precisamos nos ajudar, nos unir, incentivar uns aos outros e assim chegarmos juntos a solução que o país e que nós precisamos. Abaixo eu descrevei uma atitude que eu terei em minha vida devido a essa crise que vivemos hoje e a essa sobra de mão de obra. 

Eu cheguei a conclusão de que esperar que o país se erga e se estabeleça melhorando assim o mercado e diminuindo o desemprego vai levar algum tempo. Tempo que um pai de família como eu não tenho. Não posso esperar o país se erguer pra depois eu conseguir me re-colocar no mercado, eu preciso tomar uma atitude. 

Uma delas é a de trabalhar em outra área. Isso é óbvio. Seja ela qual for pois todo trabalho é digno. A outra é dar uma oportunidade de trabalho a mim mesmo com os conhecimentos que eu tenho. Como?

Vejamos… 

Todo profissional de TI tem consigo mais de um talento, talento esse que pode virar uma ideia e com essa ideia pode virar dinheiro e com esse dinheiro uma start up ou uma grande empresa. Por que não? Fazemos dinheiro com ideias e ideias que vem a partir do conhecimento que temos. Eu resolvi desenvolver sites, e artes gráficas com meu conhecimento. Transformando isso em uma renda freelancer e futuramente um próprio negócio. Apostarei no Marketing Digital que esta em alta… afinal toda empresa, empresário e todo negócio precisa ser anunciado. E resolvi além de tudo isso prestar serviços de manutenção.

Ohh! Isso é uma ideia que poderia virar uma micro empresa? Sim poderia. Mas eu quero ter em mente uma coisa, e aliás, todos precisamos ter em mente. Qual é o seu e o meu sonho? Se o meu sonho fosse apenas trabalhar com marketing e propaganda, manutenção e reparos etc, meu objetivo estaria alcançado. Mas eu pretendo desenvolver algo ainda maior. 

Além do que já venho desenvolvendo eu pretendo me especializar como programador Java, SQL, pretendo estudar mais a fundo o Inglês e o Espanhol, ter mais algumas especializações na área de desenvolvedor, para que aí sim eu chegue no auge do meu sonho. Posso dizer que por enquanto dei apenas o primeiro passo. Que esta sendo difícil mas não impossível. Depois de tudo isso alcançado sair do país com minha família e ter uma condição financeira de vida melhor. Em se falar de financeiro o Brasil está longe de ser um dos melhores países. Em questão se saúde(doenças transmissíveis e outras contaminações) e contato com a natureza é um país desenvolvendo e melhorando. Mas o mercado do Brasil está difícil. E leva tento para melhorar. 

Quero aqui deixar algumas dicas para quem quer seguir carreira de TI. 

  •  A primeira é que você terá de estudar um pouco mais;
  • Se especializar em uma área que queira seguir carreira, você pode fazer cursos bem bacanas no site do Alura, e ainda contar com Certificado Digital. Basta fazer uma assinatura em um dos planos e ter acesso a diversas áreas de TI. Ou ainda no TreinaWeb, se especializar em aluma área. Funciona da mesma forma que o Alura, porém você paga por curso;
  • Você poderia estudar idiomas. O inglês tem sido muito exigido nas vagas de TI e principalmente nos estágios. Existem diversas opções pagas e gratuitas. Pagas nós temos Open English, EnglishTown e algumas escolas presenciais. Na categoria dos gratuitos temos a PreparaBrasil, a plataforma Babbel oferece curso de diversos idiomas gratuito e divertido. Outras plataformas semelhantes são Duolingo que conta com app, o Buzzu que também conta com diversos app, o PrimeCursos e o FCO ajuda bastante também e tem o próprio Youtube… Mas quem puder pagar é melhor e fazer presencial. Mas tudo vai depender de você;

Se cadastrar em diversos sites de TI. Para finalizar esse artigo vou deixar aqui uma lista desses sites e alguns sites para quem quiser aprender Java Online. 

  • O Ceviu é um site que contém vagas no Brasil Inteiro na área de TI.
  • Apinfo é um site para profissionais de informática e tem diversas vagas de TI.
  • ProfissionaisTI também possuí diversas vagas relacionadas ao tema.
  • O EmpregoCerto da UOL também é uma boa opção para achar vagas de Informática /TI.
  • O Linkedin também disponibiliza diversas vagas tantos para empregos, quanto para Estágios. 

Para quem quiser fazer cursos de Java tem o JavaProgressivo que é grátis, tem a Caelum que disponibiliza diversas apostilas ótimas, e conta com a maioria dos cursos gratuitos e alguns pagos. Além disso o site da LoianeGroner que conta com diversos cursos todos gratuitos inclusive os 3 Módulos de Java.

Para quem quiser ainda tem os canais no Youtube que conta com alguns cursos ótimos. BósonTreinamentos, DeAlunopraAluno e Java&CIA. São esses que eu conheço fiz e recomendo. Agora para quem quiser algo mais completo e mão na massa vai ter que desembolsar uma grana. Nada mais que R$ 150,00 vale a pena tem o TreinaWeb e o Alura. Confiram!

Espero que gostem galera ficou grande… mas acho que dá pra ajudar aí quem esta sofrendo! 

Comente esse Post.